Benefícios de DulcoLax Comprimidos

DulcoLax Comprimidos alivia a prisão de ventre de forma previsível1

DulcoLax Comprimidos promove o acúmulo de água dentro do intestino, facilitando a evacuação¹. Com isso, estimula o processo natural do intestino, estimulando os movimentos da parede intestinal. ¹

Alívio previsível da prisão de ventre com DulcoLax Comprimidos1

Fornece alívio da constipação com tempo de ação previsível. DulcoLax Comprimidos começa a fazer efeito de 6 a 12 horas após a administração¹. O laxante estimula o processo natural de evacuação na porção final do intestino¹.

Ação local contra a constipação graças aos comprimidos revestidos de DulcoLax1

Atua diretamente no cólon graças às camadas gastrorresistentes. Os comprimidos de DulcoLax têm revestimento entérico e, por isso, agem apenas onde é necessário, ou seja, no intestino¹. Também são fáceis de engolir e têm ação previsível em casos de prisão de ventre¹.

DulcoLax Comprimidos estimula o movimento natural do seu intestino1

O alívio matinal acontece conforme o tempo de ação de DulcoLax. O laxante age entre 6 a 12 horas após a administração. Diante disso, é recomendado que, em casos de constipação, DulcoLax Comprimidos revestidos seja ingerido à noite, antes de dormir, para que o efeito aconteça pela manhã, sem surpresas¹.

Uso e dosagem

Para o alívio da constipação, recomenda-se tomar DulcoLax Comprimidos à noite. O comprimido deve ser engolido, não mastigado¹.

O medicamento deve ser ingerido com água. Não tome o laxante com produtos que reduzam a acidez do trato gastrointestinal superior, como leite, antiácidos (por exemplo, bicarbonato) ou inibidores da bomba de prótons¹.

DulcoLax Comprimidos é um laxante que atua somente onde necessário: no intestino. É importante seguir as orientações da bula para o alívio da prisão de ventre. Se o problema persistir e se tornar crônico, um médico deverá ser consultado¹.

Crianças de 4 a 10 anos1:

  • 1 comprimido por dia

Adultos e crianças maiores de 10 anos¹:

  • 1 a 2 comprimidos por dia (recomenda-se iniciar o tratamento com 1 comprimido por dia)

Gestantes: consulte um médico

DulcoLax Comprimidos deve ser usado por diabéticos e celíacos sob recomendação médica¹

Atenção diabéticos: Contém açúcar¹

O que tem em DulcoLax Comprimidos?

Bisacodil

O bisacodil, substância ativa de DulcoLax Comprimidos, possui dupla ação: estimula os músculos lisos da parede intestinal e promove o acúmulo de água no intestino, o que ajuda a amolecer as fezes, favorecendo a evacuação e aliviando a constipação².

Graças a uma fórmula que só deixa o comprimido se dissolver no nível do cólon, mantendo a ação de DulcoLax localizada onde é necessária, ou seja, no intestino¹.

Como funciona DulcoLax Comprimidos?

Ao tomar o comprimido de DulcoLax, o laxante estimulante bisacodil acelera o trânsito fecal através do cólon com sua dupla ação. O medicamento age hidratando as fezes no intestino grosso, amolecendo-as e facilitando a passagem delas. Também atua na estimulação dos músculos intestinais, o que faz com que seu intestino se contraia. Assim, você pode esperar um efeito dentro de 6 a 12 horas.1,2,4

Com isso, há a eliminação das fezes.

Além disso, o revestimento gastrorresistente dos comprimidos de DulcoLax garante que o conteúdo ativo seja liberado exatamente onde é necessário: diretamente no cólon. O princípio ativo é minimamente absorvido6, então não há carga para o corpo. Por outro lado, há uma ação local para o alívio da constipação.

Perguntas frequentes sobre constipação

Quando o assunto é prisão de ventre, as mesmas perguntas surgem muitas vezes.

  • DulcoLax Comprimidos é um laxante estimulante com dupla ação local, recomendado para adultos e crianças de 4 anos ou mais que sofrem com prisão de ventre¹.

    Trata-se de um laxante de alívio previsível, que age diretamente no intestino, estimulando os movimentos intestinais, acelerando o trânsito fecal e facilitando a evacuação, ou seja, a eliminação das fezes¹.

  • DulcoLax Comprimidos é indicado para adultos e crianças com 4 anos de idade ou mais que apresentam constipação. Crianças com até 10 anos que sofrem com prisão de ventre crônica ou persistente só devem ser tratadas sob a orientação de um médico.¹

  • A longa experiência não mostrou evidências de efeitos indesejáveis ou prejudiciais do uso de DulcoLax Comprimidos durante a gravidez. Entretanto, faltam dados de estudos clínicos adequados em gestantes com constipação. Portanto, durante a gravidez e a lactação, o produto só deve ser tomado sob orientação e supervisão direta de um médico.¹

  • O medicamento não deve ser tomado diariamente ou por períodos prolongados sem investigação da causa do intestino preso (constipação). O uso excessivamente prolongado pode levar à perda de fluidos e eletrólitos e à deficiência de potássio¹.

    Os laxantes devem ser usados com a menor frequência possível (tomando no máximo 2 vezes por dia para adultos e 1 para crianças menores de 10 anos)¹. Caso a prisão de ventre se torne persistente, é indicado procurar um médico.

  • Em casos de constipação, a dose recomendada de DulcoLax Comprimidos para adultos e crianças maiores de 10 anos é de 1 a 2 comprimidos por dia¹.

    Recomenda-se iniciar o tratamento para o quadro de prisão de ventre com a dose baixa (1 comprimido). A dose pode ser ajustada até 2 comprimidos para produzir fezes regulares¹.

    Crianças de 4 até 10 anos de idade só devem receber 1 comprimido por dia.

  • É recomendado o uso do comprimido de DulcoLax (engolido, não mastigado) à noite, antes de ir para a cama, para efeito pela manhã (levará entre 6 e 12 horas para agir)¹.

    Os comprimidos revestidos não devem ser ingeridos juntamente com produtos que reduzam a acidez do trato gastrointestinal superior, como leite, antiácidos ou inibidores da bomba de prótons¹.

  • Como toda medicação, algumas pessoas podem apresentar efeitos colaterais, embora não aconteça com todos. Os efeitos colaterais mais comuns com o uso de DulcoLax Comprimidos são dor abdominal e diarreia¹.

    Caso tenha efeitos colaterais, por favor, suspenda o uso do medicamento e consulte seu médico imediatamente.

  • DulcoLax Comprimidos não deve ser tomado por pessoas alérgicas à substância ativa (bisacodil) ou a qualquer um dos outros ingredientes do produto¹.

    DulcoLax Comprimidos não é recomendado para quem é intolerante ou não consegue digerir alguns açúcares (já que o comprimido contém uma pequena quantidade de lactose e sacarose)¹.

    Também não tome DulcoLax Comprimidos caso tenha:

    • Desidratação severa;
    • Uma condição intestinal chamada "íleo" (bloqueio no intestino);
    • Doença abdominal séria, como apendicite;
    • Dor abdominal severa com náuseas e vômitos;
    • Intestino bloqueado (obstrução intestinal);
    • Inflamação do intestino (delgado ou grosso) sujeito a condições hereditárias incompatíveis com a substância ativa ou qualquer outro ingrediente do medicamento.
  • DulcoLax Comprimidos pode ser adquirido em farmácias e drogarias.

  • Existem muitos tipos de laxantes – cada um funciona de forma um pouco diferente para facilitar a evacuação.

    Laxantes estimulantes¹

    Os laxantes estimulantes, incluindo o bisacodil, substância ativa em DulcoLax Comprimidos, têm dupla ação: induzem o transporte de água e eletrólitos para o intestino, hidratando as fezes e facilitando a passagem delas. Além disso, laxantes estimulantes promovem a atividade dos músculos intestinais, fazendo com que seus intestinos se contraiam.

    Segundo estudos clínicos, em conjunto, esses dois efeitos são comprovadamente eficazes e seguros e resultam em uma aceleração do trânsito fecal através do cólon. Esse tipo de laxante ajuda a colocar as coisas em movimento e, com isso, alivia a constipação e até o inchaço que pode também aparecer em casos de intestino preso.

    Laxantes de amaciantes de fezes8

    Amaciantes de fezes são apenas isso — produtos que ajudam a tornar mais macias as fezes endurecidas, ressecadas e dolorosas. Eles trabalham suavizando as fezes no intestino, tornando a evacuação mais fácil e confortável.

    Quando usados conforme as orientações, amaciantes de fezes são uma maneira segura e gentil de manter as coisas em movimento. Uma ajuda e tanto!

    Supositórios laxantes8

    Supositórios medicamentosos são laxantes estimulantes de ação rápida para a constipação. São medicamentos confiáveis, que devem ser inseridos no reto.

    Esses supositórios, que podem conter bisacodil ou glicerina, fornecem lubrificação e estimulação, ajudando o movimento das fezes para fora do corpo. Seu estímulo rápido sobre os músculos intestinais incentiva o movimento intestinal em poucos minutos.

    Ao final, há o alívio da prisão de ventre e dos problemas que podem estar relacionados, como inchaço e gases.

    Suplementos de fibra5

    Suplementos de fibras ajudam em casos de prisão de ventre ao adicionar volume às fezes. Vale ressaltar que fezes volumosas são mais macias e fáceis de passar pelo intestino e serem eliminadas.

    Suplementos de fibra são tradicionalmente considerados o tratamento de primeira linha. Eles são geralmente seguros, mas podem aumentar o inchaço, a flatulência e a dor abdominal, podendo interferir na absorção de algumas drogas.

    Laxantes osmóticos8

    Mais um tipo de medicamento usado para a constipação, os laxantes osmóticos ou salinos ajudam as fezes a se moverem pelo intestino grosso, reduzindo a absorção de fluidos intestinais. Esses laxantes contêm substâncias pouco absorvidas que retêm água adicional dentro do cólon, criando um gradiente osmótico e atraindo água para o intestino. Isso hidrata as fezes e facilita a passagem, contribuindo para a eliminação das fezes.

    Laxantes salinos também podem ajudar a aumentar o número de movimentos intestinais. Momentos mais confortáveis no banheiro e evacuações regulares? Todos saem ganhando. Uma baita ajuda para o intestino preso.

  • Baixe a bula de DulcoLax Comprimidos clicando abaixo.

    Baixe o material

  • Produtos DulcoLax e quaisquer outros laxantes estimulantes do movimento intestinal não ajudam na perda de peso¹. Eles são indicados para os casos de constipação. Os medicamentos não reduzem a absorção de calorias ou nutrientes. Podem causar fezes aguadas (diarreia), cólicas abdominais e desidratação.

  • Ao tomar laxantes, os efeitos colaterais podem ocorrer durante tratamentos de curto e longo prazo (como ocorre com qualquer medicamento). Até o momento, não há provas de risco específico para o cólon durante tratamentos de longo prazo com laxantes. Com base na experiência, os laxantes estimulantes podem ser considerados seguros para uso a longo prazo se usados como indicado nas bulas¹.

    Caso altas doses de laxantes sejam ingeridas durante longos períodos, podem ocorrer fezes aguadas (diarreia), cólicas abdominais e uma perda clinicamente significativa de fluidos, potássio e outros eletrólitos. Isso que pode prejudicar sua saúde, causando desequilíbrio de eletrólitos e minerais.¹

    Vale lembrar que sódio, potássio, magnésio e fósforo são eletrólitos e minerais presentes em quantidades muito específicas, necessárias para o bom funcionamento dos nervos e dos músculos, incluindo os do cólon e do coração. Perturbar seu equilíbrio pode resultar em funcionamento incorreto desses órgãos vitais.¹

    Danos nos rins e fraqueza muscular também foram descritos em associação ao abuso crônico de laxante.¹

    Em caso de uso de grande quantidade deste medicamento, procure rapidamente socorro médico e leve a embalagem ou bula do medicamento, se possível. Ligue para 0800 722 6001, se você precisar de mais orientações.

  • Os dados disponíveis não indicam risco de o corpo criar hábito ou vício.4,5 Algumas pessoas que sofrem com os sintomas de prisão de ventre precisam usar laxantes regularmente para manter a constância dos movimentos intestinais. A prisão de ventre crônica pode ter diversas origens. No entanto, isso não é resultado da prévia ingestão de laxantes, mas da condição do indivíduo que requer uso contínuo do medicamento, o que não deve ser mal interpretado como vício.

    Não há base farmacológica para o vício, uma vez que a maioria dos laxantes não é absorvida e nenhum deles atravessa a barreira cerebral do sangue. Isso significa que eles não causam vício físico, já que não chegam ao cérebro.4,5 É importante lembrar que DulcoLax não teve ser ingerido por longos períodos de tempo. Caso persistam os sintomas, consulte um médico.

DulcoLax: linha completa de produtos

Os produtos DulcoLax são indicados para quadros de prisão de ventre (constipação)1,9. Eles ajudam seu intestino a se movimentar, trazendo alívio suave e previsível! Assim, você pode se sentir livre e revigorado de novo!


Informe-se com DulcoLax

Os sintomas de prisão de ventre podem ser extremamente incômodos e persistentes. Entre eles podemos citar poucas idas ao banheiro, dificuldade de evacuar, fezes duras ou ressecadas, sensação de evacuação incompleta e incômodo7. Sabemos o quão frustrante e estressante tudo isso pode ser. Por isso, estamos prontos para te ajudar a identificar e prevenir as causas da sua constipação!

    1. DulcoLax Comprimidos. Bula do Produto. Sanofi.

    2. Kamm, M. A. et. al. Oral bisacodyl is effective and well-tolerated in patients with chronic constipation. Clin.Gastroenterol.Hepatol. 2011; 9(7):577-583.

    3. Kienzle-Horn S, Vix JM, Schuijt C, Comparison of bisacodyl and sodium picosulfate in the treatment of chronic constipation. Curr Med Res Opin 2007;23:891-9.

    4. Bellini M, Gambaccini D, Usai-Satta P, De Bortoli N, Bertani L, Marchi S, Stasi C. Irritable bowel syndrome and chronic constipation: Fact and fiction. World J Gastroenterol. 2015 Oct 28;21(40):11362-70.

    5. Müller-Lissner SA, Kamm MA, Scarpignato C, Wald A. Myths and misconceptions about chronic constipation. Am J Gastroenterol. 2005 Jan;100(1):232-42.

    6. DulcoLax Comprimidos. Bula do professional. Sanofi

    7. John Hopkins Medicine. Health conditions and diseases – Constipation. 2021. https://www.hopkinsmedicine.org/health/conditions-and-diseases/constipation

    8. Stefan Müller-Lissner (Professor) (2013) Pharmacokinetic and pharmacodynamic considerations for the current chronic constipation treatments, Expert Opinion on Drug Metabolism & Toxicology, 9:4, 391-401, DOI: 10.1517/17425255.2013.773972

    9. DulcoLax Gotas. Bula do Produto. Sanofi.